dodó & zezé

[seg] 6 de junho de 2016

https://www.youtube.com/watch?v=9hxs4hdEBYU

(1974 Tom Zé & Odair Cabeça de Poeta)

– E por que é que a gente tem que ser marginal ou cidadão?
Diga, Zezé.
É pra ter a ilusão de que pode escolher, viu, Dodó?
– E por que é que a gente tem que ter um medo danado de tudo na vida? Diga, Zezé.
É pra aprender que o medo é o nosso melhor conselheiro, viu, Dodó?
– Sorrisos, creme dental e tudo. E por que é que a felicidade anda me bombardeando? Diga, Zezé.
– Anda o que, Dodó?
– Anda me bombardeando.
Ah! É pra provar que ninguém mais tem o direito de ser infeliz, viu, Dodó?
– E por que é que um Zé qualquer de vez em quando tem que dar sete sopapos na mulher? Diga, Zezé.
Ah! Isso é pra no outro dia de manhã cedinho vender muito jornal, viu, Dodó?
– E por que é, e por que é, e por que é, e por que é? Diga, Zezé.
– É purque purque, purque purque, purque purque, purque purque,
viu, Dodó?

***

finalizando a exibição do documentário criança, a alma do negócio, do maria farinha filmes, para as turmas de primeiro ano. está interessante… muito interessante.

PS: e tenho mais sorte que juízo. terça haverá obmep nas escolas.

%d blogueiros gostam disto: