thank you, theodoro

[dom] 14 de fevereiro de 2016

Da fuga da tarde:

«toque música melancólica»
«por que há tanta raiva em mim?»
«você perdeu uma parte de si mesmo»
«que enganação triste»
« it’s just letter… são apenas cartas de outras pessoas»

«não sei o que quero, nunca. Estou sempre confuso»

«eu não sei… mas posso racionalizar tudo e duvidar de mim de milhares de maneiras.»

«o medo que você carrega dentro de si e te faz sentir tão só…»

«a cobra que morde o próprio rabo… sempre e sempre»

%d blogueiros gostam disto: