sobre o que se quebra e o que não se parte

[sáb] 9 de janeiro de 2016

as vezes sobra um t, as vezes quebra-se uma cuia. as vezes falta uma palavra… as vezes se aceita o que se pode ser. as vezes fica-se triste por ser só. as vezes nem se pensa na solidão.

as vezes é isso… esse quase alguma coisa.

%d blogueiros gostam disto: