el infranqueable cerrojo

[seg] 16 de junho de 2014

#11:28

de repente acordo
emaranhado sob os tentáculos
dos pensamentos pesados e sombrios.

a consciência armada e emaranhada,
a contrastar com o solito que se vai a brilhar ali fora.

e quando o dia tende a esquentar…
mergulho mais e mais na profundidade gélida
de minha obscuridade

permaneço inerte –
neste movimento uniforme.

como se a força gravitacional
deste buraco negro em meu peito
fosse maior que este úni(co)verso.

e fim.

%d blogueiros gostam disto: